Domingo, 20 de Maio de 2012

Como entrego o meu bebé para adopção?

Como dar o meu bebé para adopção?

Imagem de aqui

 

"Gostaria de  obter informações sobre dar o meu bebé para adopção.

Mas estive a ler e as coisas levam muito tempo a ser tratadas, não quero mesmo que o bebé esteja numa instituição.

Gostava de encontrar uma família e ser eu a escolher."

 

Esta vez foi por mail, mas também já foi nos comentários deste blog ou no Nós adoptamos, já é a terceira ou quarta vez... e eu fico sempre de rastos, porque de uma forma ou outra eu sinto nas palavras destas futuras mães o desespero de quem está a tomar uma decisão que as marcará para a vida,  a elas e ao filho que levam no ventre.

 

Apesar de que conheço muita gente que está há muito tempo à espera para adoptar e que receberiam estas crianças de braços abertos e com todo o amor do mundo, a minha resposta é sempre a mesma:

 

Em Portugal legalmente não há nenhuma forma de que uma mãe entregue o seu bebé para adopção directamente a quem o vai adoptar.

 

A única forma de se entregar um filho para adopção é manifestando essa vontade antes ou no momento do parto, e isto deve ser expresso de forma clara e por escrito. Quando assim acontece, o bebé é levado no momento do nascimento e a mãe não o volta a ver.

 

Como há um prazo de seis semanas em que a mãe pode voltar atrás, o bebé é encaminhado para um centro de emergência infantil, findo este prazo o processo é entregue ao tribunal de família e segue os tramites normais até que é decretada a adopção.

 

Muitas vezes o juiz que recebe o processo quer tirar todas as duvidas e exige que a mãe vá ao tribunal dizer em viva voz que mantém a sua decisão... por vezes passam-se anos até que conseguem encontrar a mãe ou até que desistem...entretanto a criança que já podia estar com uma família, continua institucionalizada....

 

Repito, legalmente e sem esquemas pelo meio que depois levam  a casos como o da Esmeralda e o da Miúda Russa, esta é a única forma legal de entregar um bebé para adopção.

 

Post do O que é o jantar?

 

Update: Para as pessoas que continuam a cá chegar via google ou de outra forma qualquer, por aquilo que sei, esta pessoa decidiu ficar com o bebe e esta criança não está para adopção. Além disso, tal como eu digo no post, mesmo que ela tivesse decidio entregar o seu filho para adopção, em Portugal a criança teria que ser entregue à segurança social, nunca directamente a alguém

 

Jorge Soares

publicado por Jorge Soares às 21:34
link do post | comentar | favorito
38 comentários:
De carla a 19 de Dezembro de 2012 às 15:08
Boa Tarde

Entre em contacto Comigo para ckarlamartins@sapo.pt


De Anónimo a 10 de Agosto de 2013 às 17:42
é mt facil julgar e apontar o dedo.. mas decidir dar para adopçao deve ser das coisas mais dificies... eu descobri q estou gravida e já bastante avançado e tomei essaodecisão... tdas as noites choro ao sentir cada movimento, sentir este medo com tanta falta de informação e sem saber para onde me virar... olho para o meu filho e sei q esta decisao é o melhor a tomar mas é bastante dificil. estou totalmente sozinha nesta caminhada e vivo no medo e na tristeza... a falta de informação e apoios é imensa! não quero vender o bebe q ai vem quero sim q possa ter uma vida boa e acima de tudo com quem lhe de amor... quanto mais tento ler sobre este tema mais assustada me sinto
De filipa a 4 de Fevereiro de 2014 às 06:33
Ola amiga estou a escrever vi o teu comentário que queres dar o teu bebe para adopção eu te pesso do fundo do coração eu não posso ter filhos e tem sido.o maior desgosto terei todo o gosto de ficar com o teu bebe terá tudo do bom e do melhor amor não le faltará Porfavor responde.me se ainda queres o não o mesmo se já entregaste o bebe Porfavor dasme algo estou desesperada pois quero muito ser mãe aguardo resposta linda 929060381 lolafilipa@gmail.com
De filipa a 4 de Fevereiro de 2014 às 06:38
Ola amiga estou a escrever vi o teu comentário que queres dar o teu bebe para adopção eu te pesso do fundo do coração eu não posso ter filhos e tem sido.o maior desgosto terei todo o gosto de ficar com o teu bebe terá tudo do bom e do melhor amor não le faltará Porfavor responde.me se ainda queres o não o mesmo se já entregaste o bebe Porfavor dasme algo estou desesperada pois quero muito ser mãe aguardo resposta linda lolafilipa@gmail.com
De filipa a 4 de Fevereiro de 2014 às 06:22
Estou desesperada a 10 anos que tou junta e não posso ter filhos eu adoto o seu bebe le garanto que nada faltará será bem amado terá os melhores país Porfavor me contacte lolafilipa@gmail.com
De filipa a 19 de Maio de 2014 às 04:32
ola escrevo aqui com o curaçao na mau não posso ter filhos há 10 anos que tento sem.falar nos izames mas nada se ouver aqui alguma fetura mãe o já mãe que realmente queira dar o seu bebe para adopção eu aceito com todo o gosto mas pesso que seja pessoa sincera não para enganar como já fui 2 veses o que me tem deichado péssima tenho amor e condições para criar um bebe e será bem vindo com todo o amor como fui enganada 2 veses já tenho tudo para bebe apesar de uma só ter crido dinheiro e outra no dia do.parto só le entrecou o inchoval porfavor pesso do fundo.do coração se não quer mesmo acredite que tem aqui uma mãe e um pai cheios de amor para dar a uma criança aguardo alguém sério que queira dar realmente o seu bebe. sou de portugal zona de setúbal mande mail para lolafilipa@gmail .com bem aja a todos
De leia Gameiro a 18 de Junho de 2014 às 20:02
Sou casada e eu e o meu marido , e queriamos muito uma menina . Temos filhos mas so rapazez, somos pais bons e de tudo fazemos pelos nossos filhos.Pelo meus filhos dou a minha vida e o meu marido também . já não tento ter uma menina pois com a idade que tenho , ja tenho algum receio. Por isso deixo aqui o meu mail se alguém não tiver como criar a sua menina,eu farei dela a minha \"menina\"
De Bela a 25 de Junho de 2014 às 00:31
O meu sonho é adotar uma bebé,inscrevi-me para adotar,mas já fui informada de que é muito dificil todo o processo,se alguém me pode ajudar ou dar sugestôes agradeço.
De paulo a 7 de Setembro de 2014 às 20:06
Quero muito adotar uma menina entre 0 a 2 anos de cor branca. Que ainda nao tenha sido registrada no nome do pai, pois assim fica mais facil de Eu dar a ela meu nome sem mais complicações. Um abraço aguardo resposta.
De Kobayashi a 24 de Setembro de 2014 às 14:05
eu quero muito adotar um bebe ,eu e meu marido nao podemos ter filhos e fazer o tratamento fica muito caro, ajudem a fazer um crianca feliz
De sofia a 3 de Outubro de 2014 às 22:59
Eu e o meu marido não podemos ter filhos temos condições e bastante amor somos de portugal Setúbal se alguma futura mãe o mãe não quiser o bebe seija por que motivo por favor entre em contacto com migo farei o bebe bastante felis e tera tudo do melhor. é um apelo de uma mulher desesperada ;(
De ana moreira a 19 de Novembro de 2014 às 16:17
Eu estou grávida de um menino nascerá em Março no hospital de Santa Maria em Lisboa eu também estou desesperada pois não tenho condições financeiras nem emocionais para o ter. Agradeço a resposta. Obrigado.
De Jorge Soares a 19 de Novembro de 2014 às 16:47
Boa tarde Ana

Se quer entregar o seu filho para adopção deverá expressar esse desejo no hospital ou na segurança social, por lei não pode entregar a criança directamente a ninguém e se o fizer tanto a Ana como quem receber a criança estarão a cometer um delito.

Jorge Soares
De katya a 20 de Maio de 2015 às 10:25
Ola Ana se aida està à procura de à juda eu posso te à judar envie me ms n meu mail . Katya.machado@hotmail.fr se n dème o seu n. de tel .Eu lhe ligo . Bjs
De Anónimo a 13 de Dezembro de 2014 às 02:09
Estou gravida de oito semanas gostaria de doar meu bebe, entra em contato comigo.
De Anónimo a 13 de Dezembro de 2014 às 02:10
Estou gravida de oito semanas gostaria de doar meu bebe, entra em contato comigo.
De Jorge Soares a 15 de Dezembro de 2014 às 10:29
Por favor tenham atenção ao seguinte:

Em portugal legalmente as crianças que vão para adopção tem que ser entregues pelas mães no hospital no momento do parto, não há forma nenhuma de entregar uma criança para adopção sem ser via tribunal.

Qualquer outra forma de entregar uma criança a alguém é ilegal, é considerado tráfico de seres humanos e pode implicar penas de prisão tanto para quem entrega como para quem recebe a criança.

Mesmo em caso de entrega no Hospital, o tribunal decretará sempre que seja ouvida a família alargada de ambos os pais de modo a saber se não há quem esteja disposto a ficar com a criança, só em caso de resposta negativa, esta será encaminhada para adopção.

As adopções só podem ser decretadas pelo tribunal, as crianças vão sempre para centros de acolhimento e serão entregues a candidatos à adopção já avaliados.

Peço por favor que não deixem este tipo de comentários no blog, qualquer comentário que seja colocado aqui e que tenha a ver com entrega de crianças sem ser pelas vias legais será imediatamente apagado.

Jorge Soares

De katya a 20 de Maio de 2015 às 10:34
Ola sou portuguesa ms vivo em fraça e gostaria de adoptar un bébé n me importo com à cor nem idade , o importante é k essa criança ou bébé ganhe uma familia. Contacto : katya.machado@hotmail.fr
De Nemo a 27 de Janeiro de 2015 às 23:31
Olá!

Como está?

Nós somos um casal q estamos enfrentando mil barreiras para conseguir uma criança. Minha companheira eh japonesa, mas eu sou brasileiro. Então comecei a buscar em fontes em português e encontrei um blog sobre doação de bebês.

E no setor dos comentário, vi o comentário de vc, oferecendo o nosso sonho d cuidar d uma criança!

Gostaria d saber como anda. E se já encontrou alguém para cuidar da criança!

Um gde abs!!!

uillianwirian@gmail.com

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Como falar sobre adoção

. Adopção. João tinha uma m...

. Mundos de Vida - Nós pode...

. De que lado está? Saber e...

. Pedido de ajuda em trabal...

. E num só ano a cegonha ve...

. Pedido de ajuda em trabal...

. Eu sou contra a adoção

. Adopção: de novo as crian...

. Mundos de Vida - Crianças...

. Coisas que realmente faze...

. [casa sem mãe é um desert...

. Adopção, ao cuidado de qu...

. O que é um processo de ad...

. Apadrinhar crianças da Gu...

. Conferência a Adopção e a...

. Sobre a adopção internaci...

. Adopção, ao cuidado de qu...

. Conferência: Eu quero ado...

. [uma história de amor] e ...

. Como entrego o meu bebé p...

. Adopção.... é amor!

. Ao cuidado de quem está à...

. Porque é que eu haveria d...

. Adopção, palavras de uma ...

. 1.º Congresso Internacion...

. Movimento Adopção Interna...

. Ainda as adopções falhada...

. Da adoção e da dificil ar...

. Adopções falhadas

.mais comentados

.arquivos

. Outubro 2014

. Agosto 2014

. Maio 2014

. Dezembro 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Abril 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

.tags

. todas as tags

.links

Autenticação Moblig
blogs SAPO

.subscrever feeds